5 dicas essenciais para manter sua pele jovem

A pele é o maior órgão do nosso corpo e precisa de cuidados especiais até o fim da vida. Mantê-la jovem para sempre é impossível, mas retardar o envelhecimento precoce e deixá-la saudável é possível. Contamos 5 dicas essenciais para manter a sua pele jovem em qualquer momento da vida. Confira abaixo:

Saúde vem em primeiro lugar.

Uma pele jovem é, antes de mais nada, uma pele saudável. Lembre-se de sempre mantê-la hidratada, ingerindo, ao menos, dois litros de água por dia (os cremes apenas retém a água dentro da pele) e se alimentando com qualidade (frutas como mamão, maçã, laranja e maracujá têm propriedades antioxidantes). Além disso, evite o cigarro, que deixa a pele amarelaça, sem viço e com maior tendência à formação de rugas. 

Mais do que se alimentar corretamente e ingerir bastante água, também é importante cuidar da sua saúde mental. Depressão, ansiedade e estresse, além de reduzirem a imunidade no dia-a-dia, produzem os radicias livres que envelhecem a pele.

Tudo começa do “zero”.

Os cuidados para manter a pele jovem já começam a infância. Até 80% do envelhecimento na pele pode ser prevenido ao utilizar filtro solar na infância e, também, na adolescência. Esse cuidado deve ser mantido durante a vida adulta e posteriormente, não somente para ir à praia ou piscina.

Como crianças e adolescentes fazem muitas atividades ao ar livre, o uso do protetor solar deve ser diário. Além de uma questão estética, utilizar o protetor também previne o câncer de pele.

Não vá sozinha(o)!

Se você tem problemas com acne, o que é muito comum, não compre produtos por conta própria sem antes consultar um especialista. Mesmo se o que é indicado por amigos, revistas, artigos na internet ou TV pareçam muito eficientes, o tratamento para a acne deve ser realizado ao lado de um dermatologista.

Principalmente, porque a acne forma cicatrizes que podem destruir o colágeno da pele e facilitar a flacidez no local, deixando marcas para toda a vida.

pele-com-acne

Vai viajar? Cuidado.

Cremes e produtos para a pele do exterior podem parecer muito bons e, como mais baratos do que no Brasil, são atrativos. No entanto, não traga cremes de viagens do exterior sem orientação médica.

Afinal, você pode comprar um creme que é próprio para o clima de outro país (com invernos rigorosos ou mais calor do que em território brasileiro) e, assim, mais oleoso e que pode causar espinhas.

Paciência e persistência.

Quando se trata da pele, nem todos os resultados de tratamentos podem ser vistos à primeira vista. Por isso, se você inicia um tratamento, desanima ao não ver resultados imediatos e desiste, a saúde da sua pele pode voltar à estaca zero. 

Quanto maior o tempo de tratamento, mais efeito ele faz e maior tempo ele dura. Crie hábitos diários, sempre orientados pelo médico dermatologista, que mantêm a sua pele saudável e,  consequentemente, muito mais jovem!